15/03 – Extrema/MG – Palestras: “Processos trabalhistas” e “Impactos da Tecnologia”

15/03/2017 (quinta-feira) das 08h30 às 12h30
Local: UNIMED SUL MINEIRA (Centro de Especialidades Unimed Sul Mineira)
Rua Vereador José de Oliveira, 51 – 5º andar – Jardim São Cristóvão – Extrema – MG (Mapa: Como chegar)

inscrevase

logo_programacao

email_bullet 08h20 – Recepção e Credenciamento dos Participantes.

email_bullet 08h30 – Boas vindas da Unimed Sul Mineira e da Coordenação do Clube de RH.

email_bullet 08h40 – Apresentação dos Objetivos e Resultados dos Planos de Ação em andamento com Mauricio Tornero.

email_bullet 09h40 – Palestra: “Impactos da Tecnologia para o RH que gera Resultados” com Mari Mei. [mais]

email_bullet 10h40 – Café de Relacionamento

email_bullet 11h00 – Palestra: “Processos trabalhistas mais comuns na Região e como evitá-los” com a Dra. Luciana Lambert. [mais]

email_bullet 12h30 – Sorteio de Brindes e Encerramento.

 

patrocinadores_2016

Quinta-feira, 15/03/2017 das 08h30 às 12h30

 

Contamos com a sua presença !

inscrevase

 

backup clube

15/02 – Extrema/MG – Reunião do Clube de RH – Adequação à NR 12 com Redução de Custos e Gestão de Saúde do Trabalhador

15/02/2017 (Quarta-feira) das 08h00 às 11h30

Local: Fagor Ederlan
Av. Nicolau Cesarino, 2297  – Extrema – MG (Próximo à Rodoviária)

ENCONTRO COM PRESENÇA LIMITADA DE 40 PESSOAS
Obs: Chegar com antecedência para o credenciamento obrigatório na portaria da Empresa.


Programação

08h00 – Credenciamento
08h30 – Apresentação Geral do Plano de Ação de Adequação à NR 12 com Redução de Custos
09h30 –  Café de relacionamento.
10h00 – Apresentação do Plano de Ação Redução de Custos e Aumento da Competitividade com Gestão de Saúde do Trabalhador.
11h30 – Encerramento.
PÚBLICO A QUEM SE DESTINA ESTE ENCONTRO:
Líderes e Gestores (Diretoria, Gerência e Chefias de Departamentos), Profissionais de Segurança do Trabalho e Associados do Clube de RH.

Quarta-feira, 15/02/2017 das 08h00 às 11h30

Contamos com a sua presença !

seta_gris

patrocinadores

21 erros que levam a ações trabalhistas contra uma empresa

Por Mariana Desiderio para http://exame.abril.com.br

O Brasil é o campeão mundial de processos trabalhistas, e muitos processos decorrem de erros cometidos pelas empresas por desconhecimento da legislação. Veja os principais:

Quais os principais erros que levam às ações trabalhistas contra uma empresa?

Andrea Lo Buio Copola é especialista em gestão trabalhista e previdenciária.

O Brasil é o campeão mundial de processos trabalhistas, com aproximadamente 2 milhões de casos por ano e muitos processos decorrem de erros cometidos pelas empresas por desconhecimento da legislação.

A tendência é que, por conta da crise em que o país enfrenta, as reclamações trabalhistas aumentem ainda mais, uma vez que o tempo para recolocação fica mais longo, as famílias perdem o poder de compra e necessitam de dinheiro, portanto dão início às reclamações, uma vez que vivemos em um país onde as autoridades, na maioria das vezes, consideram que o empregado sempre está sendo lesado.

Veja o artigo completo em:

http://exame.abril.com.br/pme/21-erros-que-levam-a-acoes-trabalhistas-contra-uma-empresa/

 

3 tipos de processos trabalhistas comuns e como evitá-los na construção civil

Dos 208 mil novos processos recebidos pelo TST (Tribunal Superior do Trabalho) em 2015, mais de 40 mil deles ou 20% dizem respeito a horas extras de trabalho e mais de 30 mil ou 15% exigem dano moral. Existem ainda mais de 20 mil causas ou 10% que questionam na Justiça o intervalo intrajornada. Esses são os três tipos de processos trabalhistas mais comuns na instância superior, não se limitando, portanto, à construção civil, de acordo com dados do próprio TST analisados pelo Departamento de Inteligência do Braga Nascimento e Zilio Advogados Associados.

O momento de crise econômica favorece o aumento das reclamações trabalhistas por conta de dois fatores: maior número de demissões causadas pelas dificuldades financeiras das empresas e dificuldade dos trabalhadores demitidos em se recolocarem no mercado. De janeiro a outubro do ano passado, por exemplo, no Tribunal Regional do Trabalho da 2a Região (Grande São Paulo e Baixada Santista), considerado um dos maiores do Brasil, foram mais de 386 mil novos processos, o que representou aumento de 6,6% em comparação com o mesmo período de 2014.

Veja a publicação completa em:

http://constructapp.io/pt/3-tipos-de-processos-trabalhistas-comuns-e-como-evita-los-na-construcao-civil/

Quais as maiores causas dos processos trabalhistas?

Atualmente, as principais causas de demandas de ações na Justiça do Trabalho são em função do requerimento de direito referente às horas extras, honorários, danos morais e não recolhimento do FGTS, respectivamente.

De acordo com dados do Tribunal Superior do Trabalho, existem cerca de duzentos mil processos trabalhistas cadastrados, deste total mais de trinta e cinco mil processos estão relacionados com o direito às horas extras, mais de vinte mil por direito a honorários, em torno de vinte mil por direito relativo a danos morais, cerca de dez mil referentes ao direito por adicional de insalubridade, entre outros processos.

Veja a publicação completa em:

http://direitosbrasil.com/quais-as-maiores-causas-dos-processos-trabalhistas/

Existe causa ganha? Entenda as principais motivações de processos trabalhistas

Por Ana Lis Soares - iG São Paulo

Especialistas explicam casos mais comuns e derrubam mitos na área; confira os casos mais comuns e saiba como evitar abusos

Casos de empregados entrando na Justiça contra os lugares nos quais trabalhavam são comuns no dia a dia dos setores jurídicos das empresas. E, muito provavelmente, você conheça alguém que se encaixe nesse perfil. Quando o assunto é justiça trabalhista, o leque de motivações abrange os mais diversos, tais como horas extras não pagas, danos morais ou materiais, adicional de insalubridade, verbas de rescisão de contrato, doenças ocupacionais, diferenças salariais por desvios de função, entre (muitos) outros.

Veja a publicação completa em:

http://economia.ig.com.br/2016-03-27/existe-causa-ganha-entenda-as-principais-motivacoes-de-processos-trabalhistas.html